1982 III Taça Brasil de Clubes Campeões PDF Imprimir E-mail

Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2/12/82

Campeão do Rio já tem patrocínio para torneio de andebol.

O Niterói Rugby, bicampeão estadual de andebol, continua sem sede, mas a partir de agora não deixará mais de participar de competições importantes por falta de recursos financeiros. Se até na semana passada a equipe nem material de treinamento possuía, agora tudo mudou. O time recebeu ajuda do grupo Supergasbrás e segunda-feira embarca para o Rio Grande do Sul, com a missão de representar o Rio de Janeiro no Torneio dos Clubes Campeões. Jogará com o nome de Niterói Rugby Supergasbrás.

A história do Niterói Rugby é pitoresca. Seus jogadores, na tentativa de se livrarem da “mão-de-ferro” dos clubes, resolveram fundar sua própria associação. A sede é a casa de um deles; todos os integrantes são pessoas de bom nível intelectual, mas, apesar de todo esforço e dos títulos estaduais já conquistados, sentiram que não teriam condições de seguir adiante. Pensaram até em abandonar tudo.

A impossibilidade de disputar o Torneio de Clubes Campeões, na cidade de Santa Maria, frustrou-os bastante. Quando já haviam se conformado, houve um contato com João Flavio Lemos de Moraes, diretor do Grupo Supergasbrás, interessado em patrociná-los. A participação no torneio foi confirmada e o ritmo de treinamento aumentado sensivelmente.

José Ronaldo, goleiro da equipe e um dos diretores do Niterói Rugby, diz que o contrato com a Supergasbrás poderá ser feito por um longo período. De início, o Grupo se comprometeu a custear apenas a viagem, mas são boas as possibilidades de um compromisso maior.  “Acho que já está tudo certo e independe do resultado nosso no torneio. Eles demonstraram uma boa vontade incrível e a partir de agora, nosso clube passa a se chamar Niterói Rugby Supergasbrás”.

A competição começa no dia 8, vai até o dia 12 (domingo) e a delegação seguirá assim formada: Técnico: - Ronaldo Goldone; Jogadores: José Ronaldo, Sergio, Francisco, Pedro Luis, Marcus Luis, Marcelo, Marcelo Nardino, José Ricardo, João Batista, Roque, Mauricio, Bené e Válber.

Em pé: China (massagista), João Batista, José Ronaldo, Bené, Chiquinho, Roque, Marcelo Cardoso, Serginho e Ronaldo Goldoni (técnico). Agachados: Válber, Zé Ricardo, Maurício, Marquinho, Pedro e Marcelo Nardino.

 

O Fluminense

Terça-feira, 7 de dezembro de 1982

Niterói Rugby na Taça Brasil

A delegação do Niterói Rugby de handebol deixa hoje de madrugada o Rio de Janeiro com destino a Santa Maria, interior do Rio Grande do Sul, onde disputa a partir de amanhã a III Taça Brasil de Handebol de Clubes Campeões. O Niterói Rugby terá pela frente equipes campeãs e vices em seus estados e será o único representante do Rio de Janeiro, direito adquirido com a conquista do bicampeonato estadual de handebol.

O técnico Ronaldo Goldoni encerrou ontem com uma leve recreação os treinos com vistas à III Taça Brasil e acredita retornar do Rio Grande do Sul com o título: “Estamos preparados para isso. A equipe está unida e o nosso objetivo é ficar com mais esse título.”

Além do Niterói Rugby, estarão se exibindo a equipe cede de Santa Maria (RS), Internacional (RS), Ginástico (MG), Pinheiros (SP), Olímpico de Maringá (PR), Goio Ere (PR), Universitário de Florianópolis (SC).

O Niterói Rugby realizou todos os seus treinos na quadra descoberta do Centro Educacional, no Pé Pequeno. Comandados por Ronaldo Goldoni, os jogadores se empenharam ao máximo, porque esperam conquistar o título da Taça Brasil de Clubes para serem os representantes brasileiros no Campeonato Sul-Amaricano de handebol na próxima temporada.

Um dos destaques do time e titular da seleção carioca que ficou em terceiro lugar em Fortaleza, no brasileiro deste ano, João Batista, em uma só frase resume o pensamento de todos: “Vamos para ganhar e colocar o Niterói Rugby no panorama nacional de handebol.”

Para o treinador da equipe niteroiense, os treinos realizados nas duas ultimas semanas foram muito importantes: “Tivemos tempo de arrumar alguns setores e forçar mais a parte física e a velocidade. A força está influindo no jogo e como a seqüência das partidas será desgastante, temos que estar preparados. E a velocidade será importante na parte tática".

O Niterói Rugby segue hoje para Santa Maria com três goleiros: Serginho, Chiquinho e Zé Ronaldo. Os jogadores de linha são: Pedro, Marquinho, Roque, Mauricio, João Batista, Marcelo Nardino, Marcelo Cardoso, Zé Ricardo, Bené e Walber, além do massagista China. A equipe, que fará seu primeiro jogo contra um adversário a ser sorteado amanhã, na sede do Santa Maria, será definida momentos antes da partida. A princípio todos têm possibilidades de entrar, disse Ronaldo Goldoni.

“O Niterói Rugby ficou em 3º Lugar na III Taça Brasil de Clubes Campeões.”

 

NRFC - Niterói Rugby Football Clube

Copyright © 2019 NRFC - Niterói Rugby Football Clube. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um Software Livre com licença GNU/GPL v2.0.
RocketTheme Joomla Templates